SaudeOnline.pt / Manuel Carrageta

“Boa parte do excesso de mortalidade atual diz respeito a pessoas que morreram de doenças cardiovasculares”

A pandemia de SARS-CoV-2 agravou os fatores de risco das doenças cardiovasculares e aumentou em mais de 60% o risco de eventos cardiovasculares em pessoas infetadas, sublinha, em entrevista, o presidente da Fundação Portuguesa de Cardiologia

“É importante que o tratamento dos idosos não se foque apenas em evitar a morte”

O presidente da Sociedade Portuguesa de Geriatria e Gerontologia (SPGG) afirma que são várias as alterações que deverão ocorrer nos próximos anos, no sentido de promover a integração ativa das pessoas idosas na sociedade. Segundo o especialista, uma das medidas urgentes passa por aumentar os conhecimentos geriátricos dos médicos.

2021-10-21T15:12:04+01:0021 Out, 2021|Notícias Saúde AstraZeneca|

“É importante que o tratamento dos idosos não se foque apenas em evitar a morte”

O presidente da Sociedade Portuguesa de Geriatria e Gerontologia (SPGG) afirma que são várias as alterações que deverão ocorrer nos próximos anos, no sentido de promover a integração ativa das pessoas idosas na sociedade. Segundo o especialista, uma das medidas urgentes passa por aumentar os conhecimentos geriátricos dos médicos.

Go to Top