SaudeOnline.pt / Cristina Gavina

Estudo LATINO. Quase 40% dos adultos têm risco cardiovascular alto ou muito alto

Estudo abrangeu mais de 78 mil pessoas da ULS de Matosinhos, também seguidas nos Cuidados de Saúde Primários. A relação entre o elevado risco cardiovascular e os níveis de LDL devem levar a uma "reflexão e à adoção de estratégias para corrigir este cenário", alerta, em entrevista, a professora da FMUP e diretora do Serviço de Cardiologia do ULSM.

“Ao contrário do que muitos pensam, as doenças cardíacas matam mais mulheres que homens”

Em entrevista, a Diretora do Serviço de Cardiologia da Unidade Local de Saúde de Matosinhos salienta o crescente peso que as doenças cardiovasculares têm nas mulheres, à boleia do aumento dos fatores de risco nesta população.

Go to Top