6 Mai, 2021

Semana da Hipertensão Arterial quer desconstruir mitos da rotina do doente hipertenso

A SPH realiza a 3ª edição da “Semana da Hipertensão Arterial”, com webinares e atividades virtuais que pretendem esclarecer dúvidas sobre a doença.

A 3ª Semana da Hipertensão da Sociedade Portuguesa de Hipertensão (SPH) vai decorrer de 16 a 24 de maio. Nestes dias, a SPH quer sensibilizar e alertar a comunidade para a importância da prevenção e do tratamento adequado da hipertensão arterial (HTA).

As atividades da semana vão decorrer em formato virtual, através das redes sociais – Facebook, Instagram, Youtube e no site da SPH. Vão realizar-se webinares que permitem esclarecer dúvidas, orientar na prática de exercício físico e alimentação adequando à HTA.

A SPH tem o intuito de desconstruir mitos relacionados com o dia-a-dia de um doente hipertenso, incentivar a atividade física e a alimentação saudável com baixo teor de sal, e relembrar a importância de cumprir a toma da medicação prescrita.

O presidente da SPH, Luís Bronze explica que “a hipertensão é apropriadamente apelidada de ‘doença silenciosa’, não tem sintomas, não se manifesta e, em grande parte dos casos, só é detetada quando é ativamente avaliada. Está intrinsecamente ligada a doenças cardiovasculares graves, como o acidente vascular cerebral ou o enfarte do miocárdio – entidades clínicas prevalentes, associáveis quer a mortalidade aguda, quer a incapacidade crónica”.

“A Hipertensão Arterial já é uma pandemia, a única diferença, em relação à pandemia em que atualmente vivemos, é a de que o contágio não depende de um vírus agressivo. O contágio é cultural, mas tem, como é reconhecido, dimensões virais e semelhante perigosidade”, acrescenta.

Na Semana da HTA assinala-se também o Dia Mundial da Hipertensão a 17 de maio, promovido pela World Hypertension League e tem o objetivo de aumentar a consciencialização sobre a doença em toda a população. Este ano o mote é “Meça a sua pressão arterial, controle-a, viva mais”.

SO

ler mais

RECENTES

ler mais