SaudeOnline.pt / Fernando Pita

AVC. Portugal tem feito avanços na prevenção mas ainda são “insuficientes”

Apesar de a mortalidade por AVC ter diminuído 40%, esta continua a ser a principal causa de morte em Portugal. "Temos de parar as "pandemias" do sal, açúcar, tabagismo e sedentarismo", diz o neurologista e Coordenador da Unidade de Neurologia do Hospital de Cascais.

Go to Top