Entrevista: Deteção do cancro oral é simples e pode fazer a diferença


Entrevista: Deteção do cancro oral é simples e pode fazer a diferença

“A boca está acessível a qualquer profissional de saúde e à própria pessoa”, lembra a médica oncologista Ana Joaquim, frisando a importância de não se ignorarem lesões na boca com mais de três semanas. O Saúde Online esteve à conversa com a especialista do Centro Hospitalar de Gaia/Espinho.

Todas as notícias em Dia Mundial da Saúde Oral