24 Ago, 2021

Obra do Hospital Central da Madeira pode ser acompanhada ‘online’

A primeira fase da obra do Hospital Central da Madeira – escavação e contenções periféricas – teve início em maio e terá a duração de 15 meses.

A obra do novo Hospital Central da Madeira, atualmente em fase de terraplanagem, pode ser acompanhada através da internet, com imagens captadas por duas câmaras, indicou hoje a Secretaria Regional de Equipamentos e Infraestruturas.

“No ‘microsite’, que está em constante atualização e ao dispor de toda a população, existe um endereço para duas câmaras, que foram colocadas em locais distintos da obra e que geram um ‘time lapse’, sendo que, assim, podem seguir todos os passos através de fotografias”, refere a secretaria em comunicado.

O ‘microsite’ disponibiliza também outros conteúdos relacionados com o novo hospital, como mensagens, fotografias, vídeos, informações sobre concursos e depoimentos de personalidades ligadas ao processo.

O Hospital Central da Madeira, localizado na freguesia de São Martinho, na zona oeste do Funchal, disporá de 607 camas (79 das quais para cuidados intensivos e 503 para internamento geral), 11 salas de cirurgia, parque de estacionamento para 1.160 automóveis e um heliporto.

O projeto, orçado em 340 milhões de euros, integra também um hospital de dia oncológico pediátrico.

A primeira fase da obra – escavação e contenções periféricas – teve início em maio e terá a duração de 15 meses.

O novo hospital da região autónoma resulta de um cofinanciamento dos governos da Madeira e da República.

Artigos relacionados:

ler mais

RECENTES

ler mais