25 Jun, 2021

Portugal volta a ser o país da UE com maior incidência de casos de infeção

O país regista uma taxa de incidência de infeções por SARS-CoV-2 de 124 casos por 100 mil habitantes. A faixa etária dos 15 aos 24 anos é a mais atingida.

Nas últimas duas semanas, Portugal registou uma incidência de 124 casos de infeção por SARS-CoV-2 por 100 mil habitantes. Estes números fazem com que o nosso país volte a ser o estado membro da União Europeia (EU) com a maior taxa de incidência da covid-19, segundo os dados do Centro Europeu de Controlo de Doenças (ECDC).

O grupo etário dos 15 aos 24 é, desde o final de abril, o que apresenta uma maior incidência de casos covid-19 por cada 100 mil habitantes, registando 235 casos, atualmente. Seguem-se o dos 25 aos 49 anos (171), os menores de 15 anos (137), o grupo dos 50 aos 64 anos (85), dos 65 aos 79 anos (39) e os maiores de 80 anos (32). A nível de regiões, Lisboa e o Algarve são as que somam o maior número de novos casos – entre os 120 e os 239,9 casos por 100 mil habitantes.

Em segundo lugar, na lista de países com os piores números da UE, está Espanha, com 121 casos por 100 mil habitantes e em terceiro a Letónia, com 105. Por outro lado, Malta é o país com menor incidência da covid-19, com quatro casos por 100 mil habitantes. Seguem-se a Roménia (sete), Polónia (nove), Hungria (16) e Finlândia (20).

Relativamento ao contexto europeu, Portugal está em quarto na lista de países e territórios com maior taxa de incidência, a seguir à Geórgia (238), Reino Unido (166) e Rússia (130). A média europeia ronada as 78 infeções por 100 mil habitantes.

Quanto ao panomara mundial, os países e territórios com mais casos por 100 mil habitantes são as ilhas de Seychelles (2213), o Uruguai (1103), Mongólia (827), Colômbia (738) e Maldivas (730).

SO

ler mais

RECENTES

ler mais