3 Nov, 2016

Novo programa de saúde oral abrange 6.000 crianças na Madeira

Cerca de 6.000 crianças que frequentam o 1.º ciclo do ensino básico na Madeira vão ser abrangidas pelo novo Programa Regional de Saúde Oral, designado "Madeira a Sorrir", informou hoje o secretário regional da Saúde

“O grande objetivo do programa é assegurar que 50% das crianças com seis anos estejam livres de cárie dentária”, afirmou João Faria Nunes, durante a apresentação do projeto, na Escola Básica do 1.º ciclo com pré-escolar do Caniçal, freguesia do concelho de Machico, na zona leste da ilha da Madeira.

O programa vai percorrer todas as escolas da região autónoma e baseia-se em ações de rastreio e prevenção, orientadas por médicos e higienistas orais do Serviço Regional de Saúde.

As cerca de 6.000 crianças que vão ser abrangidas nesta primeira fase do “Madeira a Sorrir” correspondem ao total de alunos que frequenta o 1.º ciclo.

O secretário regional da Saúde realçou que a Madeira é a “única região do país” onde existem consultas de medicina dentária no hospital público e em três centros de saúde: Bom Jesus (Funchal), Porto Moniz (norte da ilha) e Porto Santo.

“Em breve vamos alargar estas consultas ao Centro de Saúde de São Vicente [zona norte]”, disse.

João Faria Nunes sublinhou que na Madeira também existe um sistema convencionado, o que permite aos utentes recorrer ao setor privado, com comparticipação do Estado.

LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais