14 Dez, 2018

Maria de Belém esteve à espera de telefonema de Marta Temido, que nunca chegou

A antiga ministra da Saúde socialista revelou ontem, na SIC Notícias, que não foi à apresentação da Lei de Bases da Saúde porque não recebeu um convite personalizado da atual ministra da Saúde, Marta Temido.

A antiga ministra da Saúde e ex-presidente do Partido Socialista Maria de Belém Roseira explicou esta quinta-feira na SIC Notícias que não foi à apresentação da Lei de Bases porque o convite para a presença na apresentação foi feito “dois dias antes” através de um email da Secretaria Geral da Saúde.

Primeiro, Maria de Belém começou por dizer que tinha, à hora em que a sessão de apresentação aconteceu, em Sete Rios, Lisboa, “outro compromisso”. Mas, depois, acabou por afirmar que “há uma prática não escrita” para casos destes: “Quando algum ministro de uma determinada área quer convidar ex-ministros, normalmente faz um contacto pessoal, se tem realmente interesse em que ele esteja presente”.

“Justificaria um convite personalizado. Não tendo existido, não era necessário que lá estivesse presente”, justificou Maria de Belé, que liderou a Comissão de Revisão da Lei de Bases. A antiga ministra socialista manifestou algum incómodo com a ausência de convite direto por parte da nova ministra da Saúde, Marta Temido: “Os procedimentos em sociedade são muito importantes”, apontou.

Maria de Belém demonstrou algum mal estar em relação à versão final da proposta de Lei de Bases que acabou por ser aprovada em Conselho de Ministros e que já deu entrada na Assembleia da República. Maria de Belém diz que é “uma lei técnica”, com “linhas gerais [da proposta da sua comissão] que estão contempladas”, mas não é “um projeto como era o nosso, com uma filosofia” para a área da Saúde.

Saúde Online

ler mais

RECENTES

ler mais