7 Jun, 2021

“Escute o seu coração” assinala a Semana Mundial do Ritmo Cardíaco

A iniciativa alerta para a necessidade de conhecermos o nosso ritmo cardíaco, o que permite o diagnóstico de possíveis arritmias.

“Escute o seu coração” é o mote da campanha internacional que surge no âmbito da Semana Mundial do Ritmo Cardíaco (07 a 13 de junho) e que reforça a necessidade de a população controlar o ritmo cardíaco, no sentido em que este hábito aumenta a probabilidade de se detetarem possíveis arritmias. A iniciativa é promovida pela Atrial Fibrillation Association em parceria com a Arrhytmia Alliance.

Com o apoio da Fundação Portuguesa de Cardiologia (FPC), esta campanha promove a adoção do hábito de verificação do pulso, um procedimento simples que demora 30 segundos e que pode auxiliar no diagnóstico da fibrilação auricular (FA), o tipo de arritmia mais comum e que é responsável por 20 a 30% dos acidentes vasculares cerebrais (AVC) isquémicos.

Neste sentido, a iniciativa reforça a importância da deteção precoce e do controlo das arritmias. De acordo com o presidente da FPC, Manuel Carrageta, “o diagnóstico atempado de arritmias como FA pode revelar-se decisivo na prevenção de complicações como AVC, insuficiência cardíaca, demência ou mesmo morte súbita”.

Ainda, tendo por base dados que revelam que, ao passar os 65 anos, uma em cada dez pessoas desenvolve FA, é reforçado que quanto mais cedo esta for detetada, “maior a probabilidade de sucesso” no seu controlo, confirmou Manuel Carrageta.

Deste modo, além do controlo do ritmo cardíaco, através da autoavaliação do pulso, a campanha ressalta a necessidade de se ter particular atenção a sinais como tonturas, sensação de desmaio, perda do conhecimento, dificuldade em respirar, cansaço, confusão ou sensação de aperto no peito.

ler mais

RECENTES

ler mais