29 Abr, 2020

Síndrome de Kawasaki preocupa pediatras britânicos, italianos e espanhóis

Associações de pediatria pediram aos médicos para estarem atentos a crianças que apresentem uma condição inflamatória rara, que pode estar ligada ao novo coronavírus.

O primeiro alerta partiu, no início da semana, da Associação de Pediatras de Cuidados Intensivos do Reino Unido, mas foi, entretanto, secundada pela Associação Espanhola de Pediatria e pela Sociedade Italiana de Pediatras.

Segundo as autoridades do Reino Unido, “nas últimas três semanas houve um aumento aparente, em Londres e também em outras regiões do Reino Unido, do número de crianças de todas as idades com um estado inflamatório multissistémico que requer cuidados intensivos”.

Segundo a Sociedade Britânica de Cuidados Intensivos Pediátricos, há “uma preocupação crescente” de que uma síndrome relacionada com a covid-19 esteja a surgir em crianças, consideradas, até agora, menos vulneráveis ao risco de desenvolver complicações ligadas ao novo coronavírus.

“Já sabemos que um número muito pequeno de crianças pode ficar gravemente doente com covid-19, mas é muito raro”, disse o presidente da faculdade de Pediatria e Saúde Infantil britânica, Russell Viner. No entanto, “podem aparecer novas doenças com formas que nos surpreendem e os médicos devem estar alerta para sintomas específicos”, avisou.

 

Casos têm semelhanças com Síndrome do