Campanha “Vencer a Asma” alerta para casos subdiagnosticados em Portugal

Entre os dias 30 de abril e 1 de Maio, a campanha 'Vencer a Asma' terá uma unidade móvel na Praça da Figueira, onde especialistas realizam espirometrias e prestam aconselhamento gratuito à população.

A campanha decorre a propósito do Dia Mundial da Asma, que se assinala a 1 de maio, e pretende sensibilizar a população para a importância do controlo desta doença.

De acordo com Rui Costa, coordenador do Grupo de Trabalho de Problemas Respiratórios da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar, “a asma é uma doença subdiagnosticada e subtratada em Portugal. Cada 9 em 10 doentes com asma não controlada tem uma percepção inadequada do estado de controlo da sua doença, pois apesar de não estarem controlados acham que têm a sua asma controlada, o que pode dificultar a procura de melhor tratamento e controlo”, afirma, citado em comunicado.

“Uma das consequências da não adesão ao tratamento e do mau controlo da asma são as agudizações graves com necessidade de internamento. As pessoas acabam por recorrer ao médico apenas quando estão numa situação de crise, ou seja, quando estão com falta de ar, tosse, sensação de aperto no peito, entre outros sinais que limitam significativamente a qualidade de vida”, conclui Rui Costa.

A campanha “Vencer a Asma” é uma iniciativa conjunta da Associação Portuguesa de Asmáticos, Fundação Portuguesa do Pulmão, Grupo de Estudos Respiratórios da Associação Portuguesa de Medicina Geral e Familiar, Sociedade Portuguesa de Alergologia e Imunologia Clínica e Associação Nacional de Farmácias e GSK.

COMUNICADO/SO

ler mais

RECENTES

ler mais