19 Nov, 2018

Campanha alertou mais de 140 mil crianças e famílias para os malefícios de fumar dentro do automóvel

Mais de 50% dos fumadores afirmaram fumar dentro da sua viatura e apenas 20% sabe que a grande maioria do fumo passivo é invisível e não tem odor.

A campanha “Carros Sem Fumo”, que decorreu em âmbito escolar em todo o país entre novembro de 2017 e junho de 2018, impactou 141 mil alunos de 250 instituições de ensino e respetivos agregados familiares, com o objetivo de alertar a população infantil para o impacto nocivo de fumar no interior de viaturas.

Promovida pela Liga Portuguesa Contra o Cancro (LPCC) em parceria com o Automóvel Clube de Portugal (ACP), a iniciativa apela a um comportamento responsável em torno do consumo do tabaco dentro do automóvel, com especial preocupação no impacto que este ato tem sobre crianças e idosos. Para além de ações de sensibilização nas escolas, a iniciativa envolveu a distribuição de folhetos e autocolantes para carros, bem como a divulgação nos canais de comunicação do ACP e da LPCC, focando-se nas crianças como veículos influenciadores junto dos pais.

A iniciativa levou a que o ACP realizasse um estudo entre os seus associados, em 2017, que evidenciou que ainda existe muito trabalho por fazer na sensibilização dos portugueses para a redução do consumo de tabaco, em particular quando se deslocam de carro.

Os principais resultados deste inquérito revelaram que:

  1. 90 por cento dos inquiridos desconhecem que o nível médio de partículas tóxicas libertadas pelo tabaco, numa viagem de carro, e que são respiradas pelos ocupantes, é cinco vezes superior à média das partículas tóxicas no ar, mesmo nas cidades mais poluídas.
  2. Mais de 50 por cento dos fumadores afirmaram fumar dentro da sua viatura
  3. mais de dez por cento dos inquiridos deslocaram-se, pelo menos uma vez, nos 30 dias anteriores ao inquérito, numa viatura em que esteve alguém a fumar na presença de um não fumador.
  4. Apenas 20 por cento dos inquiridos sabe que 85 por cento do fumo passivo é invisível e sem odor;

 

COMUNICADO

ler mais

RECENTES

ler mais