17 Jan, 2018

Academia para a capacitação das Associações de Doentes

O curso, que inicia já em janeiro, terá a duração de seis meses e prevê integrar nesta primeira edição 25 representantes de várias Associações de Doentes.

A Escola Nacional de Saúde Pública da Universidade NOVA de Lisboa (ENSP-NOVA) acaba de anunciar a criação de um programa de formação específico para Associações de Doentes, que pretende capacitar estas instituições de novas competências e ferramentas de gestão e intervenção social.

Com uma equipa de formadores diversificada, que reúne académicos, políticos, investigadores e profissionais de diferentes áreas do saber, destacam-se nomes como Maria de Belém Roseira e Julian Perelman.

Para João Pereira, Diretor da ENSP-NOVA, “esta iniciativa pretende ampliar a área de atuação da Escola, no âmbito da sua missão, permitindo que as Associações de Doentes tenham acesso a um conjunto de conhecimentos fundamentais à sua atividade, para que exerçam uma participação ativa e significativa no sistema da saúde”.

A Academia para a Capacitação das Associações de Doentes é um projeto da ENSP-NOVA que conta com o apoio da Roche Farmacêutica, e que decorrerá nas instalações da Escola, em Lisboa.

LUSA/SO

 

ler mais

RECENTES

ler mais