6 Ago, 2018

Abertura de concurso para especialistas em medicina legal já foi autorizada

O Ministério da Justiça garantiu hoje que já foi autorizada a abertura de concurso para os especialistas em medicina legal, depois de a Ordem dos Médicos ter denunciado atrasos e casos de recém-especialistas que aguardam há dois anos.

Numa nota enviada à agência Lusa, o Ministério indica que a Ordem dos Médicos tem conhecimento de que o aviso de abertura do concurso “foi enviado para publicação em Diário da República há cerca de duas semanas”.

“A abertura do concurso para ingresso na carreira médica de medicina legal já foi autorizada e, nessa sequência, foi desenvolvido e finalizado o procedimento interno de mobilidade para os médicos do mapa”, adianta o Ministério.

O colégio da especialidade de medicina legal da Ordem dos Médicos denunciou no domingo atrasos na abertura de concursos, com profissionais à espera há mais de dois anos e a assumir responsabilidades de especialistas, mas a ser remunerados como internos em formação.

Após concluírem o internato da especialidade, estes especialistas chegam a esperar mais de quatro anos pelos concursos, tendo a Ordem dos Médicos escrito ao Ministério da Justiça, que tutela esta carreira médica, a apelar para que os concursos pendentes abram rapidamente. Segundo a presidente do colégio da especialidade de Medicina Legal da Ordem, Sofia Frazão, estão a aguardar concurso entre 10 e 20 profissionais.

De acordo com uma nota da Ordem emitida no domingo, o bastonário enviou na semana passada uma carta ao Ministério da Justiça a apelar à abertura urgente dos concursos, recordando que o último concurso para recém-especialistas foi lançado em outubro de 2016.

LUSA/SO

ler mais

RECENTES

ler mais