29 Abr, 2021

Enxaquecas durante a menopausa associadas à hipertensão

Estudo revelou uma associação ainda mais significativa entre a HTA e a menopausa nas mulheres que recorrem a terapia hormonal.

Segundo um estudo publicado na Neurology, um historial de enxaquecas em mulheres que se encontram na menopausa está associado ao registo de hipertensão.

A investigação, liderada pelo especialista do Institut Gustave Roussy em França, Conor James MacDonald, procurou perceber de que modo o aumento anormal da pressão arterial poderá estar relacionado à verificação regular deste tipo de cefaleia primária, de forma a conhecer qual o melhor tratamento e prevenção para este risco.

Através da observação de um grupo heterogéneo de 56 202 mulheres na menopausa, a equipa promotora deste estudo identificou 12 501 casos de pressão arterial elevada. Dentro deste total, 3 100 sofriam de enxaquecas regulares, sendo que as restantes não padeciam desta patologia.

Através desta avaliação, foi possível concluir que, especificamente nas mulheres que já não se encontram em período fértil, as enxaquecas constantes podem aumentar o risco de hipertensão, verificando-se uma razão de risco de 1.29.

Correlações semelhantes foram observadas independentemente de as enxaquecas apresentarem sintomas mais complexos associados à presença de aura. Adicionalmente, o uso de terapia hormonal durante neste período revelou uma ligação ainda mais significativa deste risco.

“Uma vez que pesquisas anteriores revelaram que a enxaqueca aumenta a probabilidade de eventos cardiovasculares, a identificação de fatores de risco adicionais, como a maior probabilidade de hipertensão entre pessoas com enxaqueca, pode auxiliar no desenvolvimento de tratamentos individualizados ou na sua prevenção”, ressaltou, ainda, um coautor do estudo.

Saiba mais sobre este estudo aqui.

SO

ler mais

RECENTES

ler mais