12 Abr, 2021

Vacina da Janssen disponível em Portugal já na próxima quarta-feira

Ao longo deste ano, Portugal receberá 4,5 milhões de doses da vacina do grupo Johnson & Johnson para combater a Covid-19

É já na quarta-feira, dia 14, que chegam a Portugal as primeiras 30 mil doses da vacina produzida pela empresa farmacêutica norte-americana contra o novo coronavírus, noticia o Público. A vacina, que só exige uma única toma e que pode ser armazenada durante um período de três meses num frigorífico normal, faz parte do plano de vacinação contra a Covid-19, cuja primeira fase “está praticamente fechada”, segundo avança o coordenador da task force, o vice-almirante Gouveia e Melo.

Aprovada pela Agência Europeia do Medicamento (EMA) a 11 de março, esta junta-se agora às restantes três vacinas (Pfizer, Moderna e AstraZeneca) presentes em Portugal, resultando, assim, num total de 1,9 milhões de doses disponíveis para administração durante o mês de abril. Recorde-se que a Comissão Europeia acordou com a farmacêutica Janssen a compra de 200 milhões de doses da vacina em 2021, mantendo-se a opção de negociar ainda 200 milhões adicionais.

Até junho, no somatório das quatro vacinas, Portugal deverá receber um total de 8,8 milhões de doses, o que contribuirá para atingir a meta estabelecida por Gouveia e Melo: vacinar, até à primeira semana desse mês, todos os cidadãos com idade acima dos 60 anos. Tal como justificou o vice-almirante, “96% das pessoas que morreram tinha mais de 60 anos. Portanto, a nossa corrida é para fechar este grupo o mais rapidamente possível”.

Este adiantou, ainda, que no futuro «a vacina passará a administrar-se maioritariamente segundo o critério de idade», o que, no entanto, não impedirá a vacinação em massa dos profissionais docentes e não docentes das escolas até ao ensino secundário, após esta ser sido adiada no decorrer das últimas alterações aos critérios de administração da vacina da AstraZeneca. Também, na próxima quarta-feira, deverá haver uma conferência de imprensa com o propósito de informar a população portuguesa sobre os próximos passos do atual plano de vacinação contra a SARS-CoV-2.

SO

ler mais

RECENTES

ler mais