30 Jun, 2017

Reduzir o risco de infeções na punção endovenosa vence etapa regional do Poliempreende na ESEnfC

Foram apresentados oito projetos na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra, no âmbito da 14ª edição do concurso de ideias e planos de negócio

Um dispositivo inovador que visa melhorar a segurança dos profissionais e reduzir o risco de infeção associada à punção endovenosa, venceu a fase regional do 14º Concurso Poliempreende na Escola Superior de Enfermagem de Coimbra (ESEnfC), realizada ontem.

Inês Mendes, Diana Carvalho, Mónica Oliveira, Joana Costa, Tânia Neto, e Daniel Ventura (finalistas de Enfermagem da ESEnfC), Pedro Parreira são os promotores deste projeto na área da saúde, intitulado “SPV – Safe Puncture Valve” e que, em setembro, vai concorrer com os principais projetos de vocação empresarial de cada um dos institutos politécnicos do país, que se vão defrontar na final do Poliempreende (etapa nacional), a decorrer em Bragança.

Oito projetos de ideias de negócio, envolvendo cerca de quatro dezenas de estudantes e docentes da ESEnfC, foram apreciados por um júri constituído por Maria da Conceição Bento (Presidente da ESEnfC), Luís Figueiredo (Pharmilab), Luís Andrade (Instituto Pedro Nunes), Patrícia Marques (JP Cruz), Maria Clara Lopes (UCC Norton de Matos) e Nuno Barbosa (Vygon – Portugal).

Em 2017, os prémios atribuídos no âmbito da fase regional do 14º Poliempreende na ESEnfC foram patrocinados pelo PIN – Poli Entreprenuership Innovation Networks, COMPETE 2020, Portugal 2020 e União Europeia, através do FEDER (Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional) e pela empresa Vygon.

O Poliempreende é um concurso que engloba a comunidade escolar das instituições de ensino superior politécnico portuguesas e que tem por objetivos fomentar a promoção do espírito empreendedor e o desenvolvimento de competências que contribuam para o enriquecimento pessoal e profissional.

Comunicado de Imprensa/SO/SF

 

ler mais

RECENTES

ler mais