23 Mai, 2017

Ordem dos Médicos vai avaliar a capacidade dos hospitais da Madeira para formar mais especialistas

A partir de hoje, serão realizadas auditorias de idoneidade aos hospitais e centros de saúde da Madeira com o objetivo de apurar se têm ou não capacidade para formar mais especialistas

“Trata-se de uma situação inédita, temos quatro equipas de médicos de medicina geral e de família e outras especialidades que vão fazer auditorias de idoneidade a todos os centros de saúde e hospitais da Região para verificar se têm ou não capacidade para formar mais especialistas, aqui, na Madeira”, explicou o presidente da Secção Regional do Sul da Ordem dos Médicos, Alexandre Lourenço.

Estas auditorias vão, depois, consubstanciar na abertura de vagas de médicos para a Região e em parcerias entre a OM e a sua delegação regional e o Governo Regional “para a fixação de mais médicos”. Segundo Alexandre Lourenço, a Madeira deve “apostar na certificação de médicos, dos eventos e dos serviços”.

“A melhor maneira de atrair médicos para a Madeira é dar boas condições de trabalho, um bom hospital, boas equipas e projetos profissionais para além da compensação económica que compense a insularidade”, acrescentou.

Para isso, alerta que os governos regionais têm que investir, marcar pela qualidade e “não fechar os médicos numa concha”.

Alexandre Lourenço reuniu-se ontem com o secretário regional da Saúde, Pedro Ramos, e com a delegação regional da Ordem dos Médicos.

LUSA/SO/SF

 

Gedeon Richter

 

ler mais

RECENTES

ler mais