13 Jul, 2021

Nutri-score. Governo recebe carta-aberta para promover a sua adoção nas embalagens

O Nutri-score já foi adotado voluntariamente em sete países europeus e em Portugal algumas embalagens alimentares já apresentam o logótipo colorido.

Juntamente com o seu dossiê, foi enviada uma carta-aberta ao Parlamento para promover a adoção do sistema Nutri-Score, a qual explica, ao Governo e aos partidos assentes na Assembleia da República (AR), as razões pelas quais este método simplificado de rotulagem é essencial para a saúde pública dos portugueses.

Tendo em consideração vários estudos que “demonstram que a generalidade dos consumidores não consegue compreender e interpretar os rótulos alimentares, nomeadamente a informação nutricional”, a organização de defesa do consumidor promotora desta iniciativa, DECO PROTESTE, defende a importância de “adicionar aos rótulos uma simplificação dessa informação, mediante um sistema de cores, de interpretação mais fácil”.

“A adoção do Nutri-Score é de extrema importância”, salienta a coordenadora da área alimentar da organização, Dulce Ricardo, no sentido em que “esta é uma forma prática e intuitiva de explicar o impacto da alimentação para a saúde pública, promovendo assim a escolha mais informada e consciente no dia-a-dia”.

Tal como revelam em comunicado, o logótipo colorido já foi adotado, de forma voluntária, por sete países europeus e reúne “o apoio de várias associações de consumidores e o consenso entre centenas de cientistas e profissionais da área da saúde”. Em Portugal, já existem algumas embalagens alimentares que apresentam este sistema de rotulagem.

Recorde-se que o Nutri-Score é um sistema que permite classificar os alimentos de acordo com o respetivo perfil nutricional. Estes são classificados com as letras A, B, C, D e E, sendo que de acordo com o seu dossiê, os produtos A e B “podem ser consumidos mais regularmente, enquanto os que têm a classificação entre C e E devem ser consumidos de forma mais moderada”.

ler mais

RECENTES

ler mais