3 Ago, 2022

Metade das crianças com HIV não conseguem ter acesso a tratamento

O objetivo da Global Alliance for Ending AIDS in Children 2030 é que todas as crianças tenham acesso ao tratamento até ao final de 2030.

No mundo inteiro, apenas 52% das crianças com HIV estão a receber tratamento antirretroviral. Uma percentagem inferior aos 76% na população adulta, segundo dados do relatório UNAIDS Global AIDS Update 2022.

Para combater este flagelo, a UNAIDS, a UNICEF e a OMS anunciaram a Global Alliance for Ending AIDS in Children 2030 e que tem como repto: em 2030 nenhuma criança deve ver negado o acesso a tratamento. A missão desta nova Aliança tem ainda como objetivo prevenir a infeção entre os mais novos.

O anúncio aconteceu durante a Conferência Mundial de HIV, que decorreu entre 29 de julho e ontem, em Montreal, no Canadá. Além da UNAIDS, da UNICEF e da OMS, a iniciativa conta também com o apoio da sociedade civil e de entidades governamentais dos países mais afetados. Nesta primeira fase, já deram o seu acordo 12 países: Angola, Camarões, Costa do Marfim, Quénia, Moçambique, Nigéria, África do Sul, Uganda, Tanzânia, Zâmbia e Zimbabwe.

A reação de Tedros Adhanom Ghebreyesus, diretor-geral da OMS, perante esta realidade foi perentória: “É um escândalo apenas metade das crianças terem acesso ao tratamento antirretroviral e uma macha para a nossa consciência coletiva.”

No relatório da UNAIDS Global AIDS Update 2022 fica bem patente o impacto da pandemia da covid-19, entre problemas mundiais, no combate contra a doença. Por exemplo, na Ásia e no Pacífico, o número de novas infeções aumentou, pondo em causa a descida que já se fazia sentir antes do surgimento do novo coronavírus.

Os peritos chegaram ainda à conclusão de que, além das crianças, é preciso otimizar o diagnóstico e o acesso ao tratamento de adolescentes grávidas e a amamentar, assim como otimizar a acessibilidade a serviços de apoio e a promoção da igualdade de género.

 

SO

Print Friendly, PDF & Email
ler mais

RECENTES

Print Friendly, PDF & Email
ler mais