14 Mar, 2017

Mais de 2,8 milhões de euros para três unidades de saúde do Norte

As portarias publicadas hoje em Diário da República autorizam a construção de duas unidades de saúde e a remodelação de uma terceira, na região Norte, num investimento global superior a 2,8 milhões de euros

Em causa, e de acordo com as portarias, está a construção de um edifício para a unidade de saúde da Amorosa, integrada no agrupamento de centros de saúde do Alto Ave, em Guimarães, no valor de 790 mil euros, a construção de uma unidade de saúde familiar em Alfena, Valongo, no valor superior a 975 mil euros e a remodelação de um edifício para a instalação da unidade de saúde do Cerco, no Porto, estimada em mais de um milhão de euros.

Segundo os diplomas publicados em Diário da República, a construção das duas unidades e a remodelação de outra assumem “importância fulcral na melhoria das condições de funcionalidade e acesso dos cidadãos à carteira básica de serviços, mediante o aumento da cobertura assistencial à população sem médico de família e, consequentemente, à obtenção de maiores ganhos em saúde, contribuindo para a consolidação da reforma dos cuidados de saúde primários”.

Os investimentos serão executados de forma faseada e com conclusão prevista para 2018.

LUSA/SO

 

Gedeon Richter

ler mais

RECENTES

ler mais