Lucro da José de Mello Saúde aumentou 9% em 2016

A José de Mello Saúde teve um lucro líquido consolidado dse 23,9 milhões de euros no último ano, mais 9,2% do que em 2015, divulgou o grupo em comunicado ao mercado

Em comunicado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o grupo dono dos hospitais privados CUF, “o ano de 2016 caracterizou-se por um forte desempenho operacional e financeiro”.

Os proveitos operacionais aumentaram 4,7% para 586,3 milhões de euros, enquanto o EBITDA (resultado antes de impostos, juros, depreciações e amortizações) melhorou 7,7% para 68,4 milhões de euros, o que a empresa diz ter sido em “resultado do crescimento da atividade assistencial e da melhoria da eficiência operacional que permitiu incrementar a margem EBITDA global para 11,7%”.

A José de Mello sublinhou que em 2016 teve “um crescimento sustentado da sua atividade assistencial nas diferentes áreas de atuação”, com “mais de 2,2 milhões de consultas (aumento de 6,7% face a 2015) e operados cerca de 86 mil doentes (mais 1% que no homólogo), tendo-se registado aproximadamente 638 mil urgências (+11,2% que no ano anterior)”.

O grupo de saúde, que em 2016 fez um aumento de capital de 400 mil euros, fechou 2016 com uma dívida líquida financeira em 154,9 milhões de euros, mais 26,3 milhões de euros do que no final de 2015, “refletindo o investimento em novas unidades realizado no decorrer do ano”.

LUSA/SO/SF

 

Gedeon Richter

ler mais

RECENTES

ler mais