21 Jan, 2022

Hospitais do Oeste registam aumento de cirurgias e consultas em 2021

O número de consultas foi também superior ao período pré-pandemia, enquanto os tempos de espera diminuíram.

O Centro Hospitalar do Oeste aumentou em 2021 o número de consultas e cirurgias nos três hospitais onde, apesar da pandemia, a lista de espera registou uma diminuição de mais de cinco mil utentes, informou a administração.

Num balanço, o Centro Hospitalar do Oeste (CHO) dá nota de que, comparativamente a 2020, no ano passado foram realizadas “mais consultas e cirurgias” nos hospitais das Caldas da Rainha, Peniche (ambos no distrito de Leiria) e Torres Vedras (no distrito de Lisboa).

As cirurgias realizadas nestas unidades registaram um aumento de 26,7%, tendo sido realizadas em 2021 6.925 atos cirúrgicos, mais 1.460 do que no ano anterior.

No que toca a consultas médicas, ascenderam no ano passado a 156.665, mais 26.067 do que em 2020, o que evidencia um crescimento de 20%.

De acordo com os dados fornecidos pelo CHO, o número de consultas foi também superior ao período pré-pandemia de covid-19, com a realização de mais 10.498 atos do que em 2019.

No balanço enviado às redações, o CHO refere ainda a realização de 14.053 sessões de Hospital de Dia, mais 416 do que no ano passado, o que representa um aumento de 3,1%.

Quanto aos utentes em lista de espera para consulta, são hoje menos 5.362 do que os inscritos em 2019.

“Estes resultados positivos evidenciam o profissionalismo, o empenho e a dedicação dos profissionais que diariamente prestam cuidados de saúde de qualidade aos utentes da região Oeste, determinantes para o aumento da atividade assistencial mesmo em tempos pandémicos”, afirma o conselho de administração no comunicado.

LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais