Cascais vai abrir mais uma Unidade de Cuidados Continuados

O projeto representará um aumento de 75 camas (37 para cuidados continuados e 38 para residência), 50 novos postos de trabalho e corresponderá a um investimento de mais de três milhões de euros

O projeto, que será apresentado terça-feira, 6 de junho, pelas 17 horas no Salão Nobre da Câmara Municipal de Cascais, irá nascer num terreno da autarquia, cedido à Quimera Saúde, em S. Domingos de Rana.

Este investimento na saúde vai ao encontro de uma necessidade real da população, cada vez mais envelhecida. A urgência destes equipamentos é a premência de suprir a única lacuna identificada, ao nível dos Serviços de Saúde.

Há cerca de 2 milhões de idosos no país onde a população com mais de 65 anos aumentou, nos últimos 50 anos, 2,8 vezes. A população nesta faixa etária tem vindo a aumentar correspondendo já a 19% da população nacional. Este desenvolvimento, que em parte resulta do aumento da esperança de vida, traduz-se também num crescimento das situações de dependência.

Ora, em consonância com essa realidade, o concelho vem procurando dar uma resposta adequada, aumentando o número de camas para cuidados continuados, mas também criando condições para que os equipamentos geriátricos surjam, cada vez mais, junto das populações que deles necessitam. Este projeto em concreto diferencia-se pela aposta na inovação tecnológica, única no país, e pela originalidade de ser servido de gatis e canis, permitindo que os donos não sejam separados dos seus animais de estimação.

Os equipamentos serão construídos na freguesia de S. Domingos de Rana, aproveitando um terreno com mais de 5.300 m2, cujo direito de superfície será cedido à entidade Quimera Saúde, por um período de 50 anos, renovável por períodos de dez.

 

Comunicado de Imprensa/SO/SF

 

ler mais

RECENTES

ler mais