Associação Portuguesa de Nutrição com função técnico-científica no Porto

A Associação Portuguesa de Nutrição (APN), que sucede à Associação Portuguesa dos Nutricionistas foi apresentada na sexta-feira, no Porto, com uma nova função técnico-científica

Decorridos 35 anos, aquela que foi a primeira associação profissional dos nutricionistas em Portugal, “acompanhando a evolução das necessidades dos nutricionistas e dos cidadãos que cada vez mais necessitam de respostas válidas e credíveis, assentes na evidência científica”, surge com uma nova resposta, disse Helena Real, secretária geral da associação.

Abandonando a sua vocação de associação profissional, passa a focar-se exclusivamente “na promoção da componente técnico-científica da nutrição e alimentação” numa lógica de adaptação que “decorre do facto de ter sido criada em Portugal a Ordem dos Nutricionistas”, explicou Helena Real.

“Hoje há a Ordem o que nos fez deixar cair a parte da promoção da profissão, passando a promover o que já se fazia há alguns de atividade e apoio ao nutricionista no âmbito da ciência”, disse.

Mantendo as atuais instalações, no Porto, a APN admite avançar com parcerias com instituições de ensino superior ao mesmo tempo que prosseguirá o auxílio aos nutricionistas na “sua busca permanente pela atualização profissional”.

Apesar disso, sustenta a responsável, “a comunidade em geral também poderá e deverá ver na APN uma entidade de referência na busca da informação correta no que respeita à alimentação e nutrição”.

LUSA/SO/SF

 

 

ler mais

RECENTES

ler mais