24 Fev, 2021

Vacina de dose única da Johnson & Johnson considerada eficaz pelos EUA

Food and Drug Administration considera a vacina segura e eficaz. Se a EMA também entender o mesmo, vacina pode chegar a Portugal no segundo trimestre.

A vacina de dose única da Johnson & Johnson contra a covid-19 foi considerada eficaz pela Food and Drug Administration (FDA), segundo documentos divulgados dois dias antes da reunião do comité consultivo para examinar a utilização de emergência nos EUA.

A eficácia da vacina é de 85,9% contra as formas graves da doença nos Estados Unidos e é igualmente eficaz contra essas formas graves em 81,7% na África do Sul e 87,6% no Brasil, noticia a Agência France Presse (AFP).

A farmacêutica Johnson & Johnson já pediu à Agência Europeia do Medicamento aprovação urgente da vacina que desenvolveu contra a covid-19. Se tudo decorrer como previsto, esta vacina deverá chegar a Portugal no segundo trimestre de 2021.

A vacina foi eficaz também na prevenção de infeções pelo novo coronavírus, confirmado por testes de PCR pelo menos 14 dias após a vacinação, avança a FDA. Da análise que fez aos dados que lhe foram submetidos, a FDA afirma que esta vacina produz efeitos secundários com menos frequência e mais leves do que as vacinas da Pfizer e da Moderna, não tendo havido relatos de reacções alérgicas graves como anafilaxia.

A vacina da Johnson & Johnson pode ser armazenada a temperaturas normais de refrigeração durante, pelo menos, três meses.

ler mais

RECENTES

ler mais