19 Dez, 2018

Federação de Enfermeiros desmarca greve

A Federação Nacional dos Sindicatos dos Enfermeiros desmarcou a greve marcada para os dias 26, 27 e 28 de dezembro, avançou à Lusa um dirigente sindical.

O anúncio da FENSE, que agrega o Sindicato dos Enfermeiros e o Sindicato Independente dos Profissionais de Enfermagem, surge após uma reunião com a Comissão Negociadora do Ministério da Saúde e das Finanças, que decorreu na Administração Central do Sistema de Saúde, em Lisboa.

“Vamos levantar a greve que tínhamos marcada para dia 26, 27 e 28 de dezembro”, disse à Lusa José Azevedo, presidente do Sindicato dos Enfermeiros e porta-voz da FENSE.

Sobre as negociações, José Azevedo disse apenas que “está tudo a correr normalmente em termos negociais”, remetendo mais explicações para uma conferência de imprensa que está marcada para quarta-feira.

“As negociações continuam e temos a próxima reunião marcada para o dia 04 de janeiro”, frisou.

Esta greve não tinha qualquer ligação com a ‘greve cirúrgica” dos enfermeiros que está a decorrer nos blocos operatórios de cinco hospitais do país e que está previsto terminar a 31 de dezembro.

Os enfermeiros representados pela FENSE pretendem que a negociação de um acordo coletivo de trabalha que contemple, entre outros aspetos, a uniformização de horários de trabalho para 35 horas semanais e a introdução da categoria de Enfermeiros Especialistas, nas especialidades criadas ou a criar.

A “definição da hierarquia da enfermagem, constituída pelo enfermeiro diretor de serviço, de departamento, de instituição ou região” e a “revisão das tabelas remuneratórias, com índice e escalões adequados, quer na promoção, quer na progressão periódica da respetiva categoria” são outras das reivindicações da FENSE.

LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais