29 Jul, 2021

Covid-19. Portugal já fez mais de 15 milhões de testes desde o início da pandemia

Com um total de 1,66 milhões, julho de 2021 foi o mês-recorde no que respeita a testes à covid-19 realizados.

Portugal já realizou mais de 15 milhões de testes à covid-19 desde o início da pandemia. Os 1,66 milhões feitos em julho deste ano fazem deste o mês com maior número de testes realizados desde março de 2020, adiantou o Ministério da Saúde.

“Em 2021, foram realizados, até ao momento, mais de 60% da totalidade dos testes de diagnóstico desde o início da pandemia, com os meses de abril, maio, junho e julho (até ao dia 26) a concentrarem cerca de 40% do número total de testes efetuados”, refere a tutela, em comunicado.

“Até à data, julho é o mês com o maior número de testes realizados (11,1% do total)”. Segundo apresentam, foram realizados cerca de 1,66 milhões de testes durante este mês, dos quais mais de 740 mil são testes rápidos de antigénio de uso profissional, sendo que estes números não incluem os autotestes.

A nota enviada à imprensa detalha ainda que, desde o início da pandemia, a maioria dos testes de despiste à covid-19 foram feitos pelo setor privado (58,5%), cerca de um terço (32,2%) no Serviço Nacional de Saúde (SNS) e 9,3% em ambiente universitário ou outros. A maioria dos testes realizados é do tipo RT-PCR (11,9 milhões) e cerca de 3,1 milhões são testes rápidos de antigénio de uso profissional.

“Este aumento da testagem em Portugal assenta no plano de promoção da operacionalização da estratégia de testagem em Portugal que tem três eixos de intervenção: testagem dirigida, testagem programada e testagem generalizada”, comentou a tutela.

SO/LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais