2 Mai, 2019

695 mil portugueses têm asma e apenas 53% a têm controlada

Dos 695 mil portugueses com asma, pouco mais de metade tem a doença controlada. Para mudar este paradigma, e no âmbito das comemorações do Dia Mundial da Asma, o Projeto CAPA organizou um evento a ter lugar na Casa da Cultura da Sertã no dia 04 de maio.

O Dia Mundial da Asma comemora-se no dia 7 de maio, mas a Sertã irá assinar a data três dias antes, no dia 04 de maio, num evento de sensibilização organizado pelo Projeto CAPA- Cuidados Adequados à Pessoa com Asma, tendo contado para isso com os recursos locais, como as unidades de saúde da área geográfica onde decorre esta iniciativa. Com hora de início marcada para as 10 horas, este evento terá lugar na Casa da Cultura da Sertã.

Ao longo do dia serão abordados vários temas fraturantes na sociedade e de desconhecimento de quase metade da população que sofre com esta doença, como por exemplo:

  • O que é a doença?
  • O que é a Asma bem controlada?
  • Os cuidados adequados à pessoa com asma nos cuidados de saúde primários
  • Divulgação de materiais educacionais

Além disso, irá ainda decorrer uma plantação de árvores no local, como símbolo de ar, de respiração, de vida saudável e de rejuvenescimento de uma área tão afetada pelos incêndios do 2017.

Para além deste evento de 04 de maio, o CAPA tem previstas outras iniciativas como formações para profissionais, produção e distribuição de materiais educativos, intervenção nas escolas e sessões dirigidas à população.

“O nosso objetivo é demonstrar que a asma pode ser controlada, explicar quais os recursos disponíveis e demonstrar importância da técnica inalatória”, explicam os responsáveis pelo CAPA.

“O recurso a medicação de alívio de forma recorrente significa uma doença mal controlada e pode ser perigoso para o doente. A asma é uma doença crónica que pode ser controlada com o tratamento correto, vivendo o doente asmático sem sintomas, ou com sintomas mínimos. Obriga ao acompanhamento regular e ao cumprimento da medicação prescrita”, explicam.

Erica Quaresma

ler mais

RECENTES

ler mais