16 Nov, 2021

António Lopes eleito primeiro bastonário da Ordem dos Fisioterapeutas

O agora bastonário quer criar “unidades funcionais autónomas”, tanto nas estruturas públicas como nas privadas, que permitam aos profissionais gerir os próprios recursos.

Os fisioterapeutas escolheram António Lopes para primeiro bastonário desta ordem profissional criada há dois anos, segundo os resultados provisórios publicados no ‘site’ da instituição.

De acordo com os resultados provisórios das eleições realizadas na segunda-feira, António Lopes obteve 64,21 por cento dos votos enquanto o outro candidato, Emanuel Vital, obteve 31,54 por cento.

Votaram 2819 fisioterapeutas dos 4466 eleitores e foram registados 120 votos em branco.

A Ordem dos Fisioterapeutas foi criada em 30 de setembro de 2019 e estima-se que existam 15 mil com cédula profissional.

A Ordem foi pela primeira vez a votos desde a sua criação e teve como candidatos Emanuel Vital e António Lopes.

Antes das eleições, António Lopes, formado na Escola Superior de Saúde de Alcoitão, onde é coordenador, afirmou à Lusa que sua a principal prioridade é “dar visibilidade ao contributo específico da fisioterapia”, através da criação de “unidades funcionais autónomas”, tanto nas estruturas públicas como nas privadas, que permitam aos profissionais da área gerir os próprios recursos.

“Atualmente há uma dependência da fisioterapia da especialidade médica de Medicina Física e Reabilitação e nós teremos de sair fora dessa alçada”, embora continuando a trabalhar com essa especialidade, mas não como se fossem vistos “como auxiliares”, vincou.

LUSA

Notícia Relacionada

ler mais

RECENTES

ler mais