13 Out, 2021

Oftalmologia. Consultas regulares são fundamentais para prevenir problemas visuais

Um diagnóstico precoce pode auxiliar na prevenção da degeneração da saúde ocular, sendo essencial um acompanhamento por parte dos médicos oftalmologistas.

A propósito do Dia Mundial da Visão, que se assinala a 14 de outubro, a Sociedade Portuguesa de Oftalmologia (SPO) procura sensibilizar os portugueses para as causas de cegueira evitável, incentivando a prevenção de doenças visuais através de visitas regulares aos médicos oftalmologistas.

“Cerca de 65% das pessoas com deficiência visual têm 50 anos ou mais e em Portugal temos vindo a assistir a um aumento de casos de baixa visão por degenerescência macular da idade (DMI). Distorção das imagens, aparecimento de manchas – começa desta forma, que muitas pessoas acham normal devido à idade – mas pode levar à cegueira. A melhor forma de travar a doença é um diagnóstico precoce, por isso é tão importante fazer visitas regulares ao seu médico oftalmologista”, afirma o presidente da SPO, Rufino Silva.

De acordo com o oftalmologista, “as pessoas devem preocupar-se com um estilo de vida saudável e apostar mais na prevenção – é por isso fundamental divulgar esta informação: a grande maioria das deficiências visuais podem ser evitadas e/ou tratadas”.

Tal como revela a SPO, em comunicado, as causas principais de cegueira e de perda de visão irreversível em Portugal são a DMI, a retinopatia diabética e o glaucoma. Neste sentido, é importante sublinhar que a prevenção, o diagnóstico precoce e o tratamento atempado são possíveis e podem evitar essa perda de visão.

“Em idades mais avançadas, é obrigatória a observação a cada 1 a 2 anos, para despiste de catarata, glaucoma e DMI. O envelhecimento da população significa que o risco de desenvolver deficiência visual relacionada com a idade é cada vez maior por isso. Nunca é demais fomentar a prevenção e a consulta regular junto de um médico oftalmologista”, confirma a médica oftalmologista, Lilianne Duarte.

ler mais

RECENTES

ler mais