10 Jul, 2019

Novo hospital dos Lusíadas em Braga cria 400 empregos

Uma parte das antigas instalações do Hospital de S. Marcos em Braga vai ser ocupada com uma nova unidade de saúd.

Apresentado ontem, a nova unidade de saúde tem abertura prevista para dezembro e será “um hospital de referência quer em tecnologia quer na humanização e excelência dos cuidados de saúde”, assumindo-se como “um centro clínico com forte pendor de ambulatório, equipado com todos os meios necessários para uma abordagem médica transversal”.

O projeto é da Lusíadas Saúde e resulta de uma parceria com a Santa Casa da Misericórdia de Braga, dona do edifício e que celebrou com o grupo um contrato de arrendamento por 30 anos.

A Unidade terá uma componente “altamente tecnológica e diferenciada em inovação”, contando com 37 gabinetes de consulta, salas de tratamento e exames, salas de bloco operatório e uma Unidade de Imagiologia, com equipamentos de vanguarda com resposta para diagnósticos diferenciados.

O hospital contará também com um serviço de consultas sem marcação para situações urgentes.

Para Sónia Vilaça, que assumirá a Direção Clínica do hospital, “a integração desta nova unidade na cidade vai permitir aliar um corpo clínico de excelência e altamente diferenciado com as condições necessárias para um atendimento personalizado e transversal às necessidades de cada pessoa”.

Além das valências de saúde, o projeto vai ainda criar cerca de 400 postos de trabalho, a juntar a 50 já existentes na clínica de Santa Tecla, também em Braga.

“Queremos ser uma referência em Braga, investindo em tecnologia, na humanização e excelência dos cuidados de saúde à população. Quando estivermos a trabalhar em plena força contamos ter 450 postos de trabalho criados”, explicou à Lusa o presidente do concelho de administração do grupo, Vasco Antunes Pereira.

LUSA/SO

ler mais

RECENTES

ler mais