18 Jun, 2018

Há falta de médicos no SNS? Contratem-nos, exige o SIM!

Há 1077 jovens especialistas à espera de serem colocados nos serviços do SNS. O SIM exige uma resposta célere na abertura e conclusão dos concursos de recrutamento para Assistentes das várias áreas de exercício profissional médico

Em comunicado publicado na sua página na Internet, o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) defende que tendo já sido concluída a avaliação e homologação final do Internato Médico na sua 1ª Época de 2018, os novos médicos estão desde logo teoricamente disponíveis para integrarem os quadros de pessoal das instituições do SNS… “Assim o queiram os responsáveis da Saúde, assim o permitam as Finanças todo-poderosas e assim não o ignore o Senhor Primeiro-Ministro”, aponta o SIM.

Listas de espera para consultas e cirurgias, atribuição de Médicos de Família a quem deles não disponha, melhor atendimento e menor sobrecarga dos profissionais, dispensa do contributo de colegas aposentados, travão à contratação de médicos não especialistas e de empresas prestadoras de serviços, acrescenta ainda o SIM

Para tudo isto,  afirma o sindicato, há uma resposta celeridade na abertura e conclusão dos concursos de recrutamento para Assistentes das várias áreas de exercício profissional médico…

E avança com números, visto numa perspectiva de perda de oportunidade por parte do SNS:

Números antes da previsível fuga para as instituições privadas e para o estrangeiro:
Especialidades Hospitalares 718
Medicina Geral e Familiar 334
Saúde Pública 15
Medicina do Trabalho 5
Medicina Legal 5
TOTAL 1077

Miguel Mauritti/Comunicado

ler mais

RECENTES

ler mais