16 Mar, 2020

Governo vai adquirir um milhão de máscaras para os profissionais de saúde

A ministra da Saúde admitie que algumas unidades hospitalares partiram para o combate ao Covid-19 com ‘stocks’ baixos de máscaras de proteção.

“O equipamento de proteção individual (máscaras) tem de ser gerido muito criteriosamente, mas temos a preocupação de que os profissionais não se sintam desprotegidos para trabalhar”, sublinhou a governante.

Durante uma conferência de imprensa que decorreu ao início da noite, Marta Temido expressou a intenção de generalizar o uso de máscaras cirúrgicas junto dos profissionais de saúde e anunciou um reforço de mais um milhão, a ser entregue durante este fim de semana.

“Aquilo que nos temos apercebido é que algumas instituições partiram para este surto com stocks relativamente baixos e, portanto, isso representou uma dificuldade adicional”, apontou.

O novo coronavírus responsável pela pandemia de Covid-19 foi detetado em dezembro, na China, e já provocou mais de 5.700 mortos em todo o mundo.

SO/LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais