17 Abr, 2020

3ª edição do Prémio de Inovação em Saúde do i3S premeia solução contra Covid-19

O i3S, da Universidade do Porto, anunciou que a 3.ª edição do Prémio vai ser dedicada à covid-19, nomeadamente, a encontrar “soluções impactantes” no combate ao vírus. Candidaturas até 27 de abril.

Em comunicado, o i3S adianta que o objetivo desta 3.ª edição do ‘i3S Health Innovation Prize’  é que investigadores e empreendedores nacionais e internacionais apresentem “soluções impactantes” na pandemia no âmbito da prevenção e monitorização da doença, meios de diagnóstico, descoberta de compostos terapêuticos ou de vacinação.

Citado no documento, Hugo Prazeres, coordenador do gabinete de transferência de tecnologia do instituto da Universidade do Porto (UP) adianta que o prémio pretende “desafiar e mobilizar investigadores e empreendedores” a focarem “todas as suas capacidades neste problema, que inevitavelmente se tornou numa prioridade de saúde”.

“É inegável que a humanidade está atualmente a travar uma guerra biológica natural com o SARS-CoV-2 e que a sociedade espera da investigação e inovação biomédicas um arsenal para combater o vírus”, refere o responsável, adiantando que o propósito do prémio é “impulsionar” o desenvolvimento de tecnologias, dispositivos médicos e compostos terapêuticos.

Segundo o instituto da UP, nesta edição, que, além do i3S, tem como patrocinadores a Tecnimed Group, Vallis Capital Partners e a Câmara Municipal do Porto, o prémio “perfaz um total de 20 mil euros”.

“Os candidatos terão ainda a possibilidade de receber prémios sob a forma de produtos e serviços, atribuídos pelos parceiros desta edição, nomeadamente o gabinete de patentes Patentree, a Agência Nacional de Inovação (ANI), a Porto Business School e a Esfera Cúbica – Audiovisual Productions”, adianta o instituto.

As candidaturas ao i3S Health Innovation Prize decorrem até ao dia 27 de abril e, segundo o instituto, os vencedores deverão ser anunciados até ao dia 15 de maio.

SO/LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais