14 Ago, 2018

Oito pessoas podem ter sido contaminadas por antraz no norte da China

Oito pessoas foram alegadamente infectadas com antraz no norte da China, num possível surto da doença infecciosa de origem animal, que já causou a morte de nove bovinos, noticiou esta segunda-feira a agência oficial chinesa.

De acordo com a Xinhua, as oito pessoas, que vivem na Região Autónoma da Mongólia Interior, foram hospitalizadas e, após tratamento, encontram-se numa situação estável.

A Xinhua indicou que as autoridades locais tinham anunciado que, desde 7 de Agosto, nove bovinos morreram na aldeia de Shengli, infectados com antraz. A imunização e desinfestação da aldeia foram concluídas e o alegado surto controlado, acrescentou.

Doença rara de origem animal, considerada endémica nas zonas rurais, o antraz pode, em algumas situações, infectar seres humanos, quando expostos a animais contaminados, ou pelo consumo de carne e de derivados também contaminados.

Um caso semelhante foi registado na província de Heilongjiang, no nordeste da China, em 7 de Agosto, quando várias ovelhas morreram e foram diagnosticadas com antraz.

LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais