5 Ago, 2019

Portugal dinamiza Observatório da Saúde dos Povos

O Observatório da Saúde dos Povos, uma espécie de "biblioteca virtual" de todos os projetos científicos realizados em contexto hospitalar, vai ser apresentado amanhã, dia 6 de Agosto, no Hospital Saint Louis, em Lisboa.

O Observatório da Saúde dos Povos pretende ser uma “biblioteca virtual” de todos os projetos científicos realizados em contexto hospitalar para fins de prevenção da saúde pública e será apresentado amanhã, dia 6 de Agosto, terça-feira, pelas 15 horas, no Hospital Saint Louis, em Lisboa.

A entidade, já registada na plataforma da European Association Cancer Research (EACR), será, futuramente, referenciada no Parlamento Europeu como um projecto de saúde, prevenção e sustentabilidade para a cidadania e resulta de uma parceria entre a Unidade de Saúde Natural do Hospital de Saint Louis e o LaBEST – Laboratório para o Empreendedorismo, Sociedade e Tecnologia do Instituto Piaget.

Visando a sustentabilidade e a qualidade de vida do planeta e das sociedades, o Observatório desenvolverá investigação com foco na temática “epigenética” e seus fatores de “influência”: alimentação, hábitos de vida, influenciadores de poluição aérea e marítima, sonora e eletromagnética, climáticas, fatores de afetação química, agricultura, qualidade da água de consumo, hábitos culturais, socio-económicos, religiosos e até na forma como a estrutura emocional e fisiológica de cada pessoa e região geográfica se desenvolve nos tempos atuais de acordo com toda a evolução tecnológica e geo-política mundial.

“Para que se possa praticar uma ‘medicina da saúde ativa, preventiva e educativa’ é importante a análise e recolha deste tipo de dados, que favorecem a verificação, avaliação e definição de novas estratégias de caráter científico, prático e de transformação. Só assim poderemos levar até todos um novo percurso de valores que verdadeiramente melhorem a vida e a forma como as populações se poderão desenvolver e adaptar às mudanças vindouras em qualquer parte do planet”, explica Paula Mouta, diretora do Observatório da Saúde dos Povos e presidente do World Medicines Summit, que debaterá esta temática, a 11 e 12 de Outubro, nos Açores.

SO

ler mais

RECENTES

ler mais