22 Jul, 2019

Governo acelera inaugurações de USF para cumprir meta

Objetivo de abrir 100 unidades de saúde familiares até ao final do ano já foi atingido.

O governo tinha-se comprometido a inaugurar 100 Unidades de Saúde Familiar até ao final da legislatura. Ao contrário de outras metas na área da saúde, que ainda não foram atingidas (como a diminuição da afluência às urgências hospitalares ou a cobertura universal por médicos de família), este objetivo já foi alcançado.

A marca das 100 USF inauguradas foi atingida na passada quarta-feira, no Bombarral. Com o primeiro-ministro António Costa a acompanhar a ministra da Saúde, de modo a amplificar a ‘obra feita’, esta segunda-feira são inauguradas mais 5 USF na zona de Lisboa. Trata-se das USF de Sintra, Agualva e Almargem do Bispo (no concelho de Sintra) e as USF de Venteira e Águas Livres (na Amadora).

Já quanto ao objetivo de dar a todos os portugueses um médico de família, é o próprio primeiro-ministro a assumir que, no máximo, 97% da população estará coberta quando forem colocados os médicos que se candidatarem ao concurso que está a decorrer.

“O objetivo era concluirmos a legislatura com 100% dos portugueses com médico de família”, apontou. “Se conseguirmos preencher a totalidade das verbas, ficaremos com 97% dos portugueses com médicos de família assegurado. Tendo feito este grande avanço até aos 97%, tenho a certeza de que os 3% que ficam a faltar serão rapidamente resolvidos no início da próxima legislatura”, disse.

SO/LUSA

ler mais

RECENTES

ler mais