28 Fev, 2020

Covid-19: DGS lança microsite com informações sobre a doença

Responder a dúvidas e disponibilizar aconselhamento para população e profissionais de saúde é o principal objetivo do microsite.

A Direção-Geral da Saúde (DGS) lançou hoje um microsite sobre o novo coronavírus (Covid-19), onde os portugueses podem acompanhar a evolução da infeção em Portugal e no mundo e esclarecer dúvidas sobre a doença.

No ‘Covid-19’ (www.dgs.pt/corona-virus), os portugueses encontram resposta às perguntas “Covid-19, o que é?”, “Estarei doente?”, “Posso Viajar?”.

O microsite disponibiliza também uma área intitulada “Perguntas frequentes”, onde são dadas respostas às várias dúvidas levantadas como “o 2019-ncov é o mesmo que o SARS?”, “Como se transmite?”, Os animais domésticos podem transmitir a doença, “Quais os sinais e sintomas?” e “Qual o período de incubação?”

 

“Existe uma vacina?”, “Existe tratamento?”, “Os antibióticos são efetivos a prevenir e a tratar o novo coronavírus?”, “Qual o risco?”, “Como me posso proteger?”, “Como viajante, o que devo fazer?” são outras dúvidas esclarecidas pela DGS.

O ‘Covid-19’ tem também uma área com informação destinada aos profissionais de saúde com as orientações e os despachos sobre a infeção por SARS-CoV-2, doença denominada Covid-19.

O microsite disponibiliza ainda informação atualizada das áreas do mundo afetadas pela doença e da situação em Portugal, bem como os materiais de divulgação sobre a doença colocados em locais como unidades de saúde, portos e aeroportos.

Segundo o boletim informativo da Direção-Geral da Saúde (DGS), divulgado na quinta-feira ao final do dia, Portugal já detetou 52 casos suspeitos, dos quais 16 se encontravam a aguardar resultados laboratoriais. As análises aos restantes casos deram todas negativo para o novo coronavírus.

Uma atualização hoje feita pelo Centro Europeu de Prevenção e Controlo das Doenças (ECDC), refere que já existem 815 casos do novo coronavírus (Covid-19) na Europa e já se registaram 19 mortes, 17 das quais em Itália e duas em França.

Segundo o dispositivo europeu de vigilância epidemiologica, verificaram-se até ao momento casos de Covid-19 em Itália (650), na Alemanha (47), na França (38), na Espanha (25), no Reino Unido (16), na Suíça (oito), na Suécia (sete), na Áustria (cinco), na Noruega (quatro), na Croácia (três), na Grécia (três), na Finlândia (dois), na Bélgica (um),na Dinamarca (um), na Roménia (um), na Estónia (um), em São Marino (um),na Holanda (um) e na Lituânia (um).

A nível mundial, o Covid-19, detetado em dezembro na China e que pode causar infeções respiratórias como pneumonia, provocou pelo menos 2.858 mortos e infetou mais de 83 mil pessoas, das quais 36 mil já se encontram recuperadas, segundo os dados reportados por meia centena de países e territórios.

Também hoje, a Comissão Europeia anunciou a “aquisição conjunta de equipamentos de proteção” para os Estados-membros minimizarem a propagação do novo coronavírus.

RV/Lusa

ler mais

RECENTES

ler mais