17 Jan, 2017

Universidade Nova quer discutir medição da qualidade dos cuidados de saúde em Portugal

“Medição dos cuidados de saúde baseada em valor” é o tema da conferência que a ICHOM irá realizar nos dias 10 e 11 de fevereiro na Reitoria da Universidade Nova de Lisboa.

Debater a necessidade de criar padrões que permitam medir os cuidados de saúde com base no valor que produzem para os doentes e a qualidade dos atos clínicos prestados pelas instituições de saúde em Portugal é o objetivo da Nova SBE que promove a Conferência ICHOM em Portugal. “Medição dos cuidados de saúde baseada em valor” é o tema desta iniciativa conjunta da Nova School of Business and Economics, da Nova Medical School e do Centro Hospitalar Lisboa Central, que terá lugar nos dias 10 e 11 de fevereiro na Reitoria da Universidade Nova de Lisboa.
ICHOM é o acrónimo de International Consortium for Health Outcomes Measurement. Trata-se de uma organização sem fins lucrativos, fundada por três instituições mundialmente reputadas – Harvard Business School, Karolinska Institute e The Boston Consulting Group.
O ICHOM tem como objetivo transformar os sistemas de saúde a nível mundial, através da mediação e avaliação dos resultados observados nos pacientes, sendo estes resultados fundamentais para medir a qualidade dos cuidados de saúde prestados.
De acordo com João Marques Gomes, CEO da Nova Healthcare Initiative e investigador de gestão e economia da saúde na Nova SBE, “atualmente, existe informação sobre o volume de produção das unidades de saúde. Sabemos quantas cirurgias foram realizadas, quantas consultas foram feitas, quantos doentes estiveram internados, mas não temos nenhuma informação sobre o resultado final, isto é sobre quão bem ficou o doente por consequência do ato clínico e quanto custou conseguir este acréscimo de saúde.”
Assim, o acréscimo de bem-estar que ato clínico gerou efetivamente para o doente é que deve ser a verdadeira medida da qualidade dos cuidados de saúde prestados. Isto permite saber se os bons resultados de saúde foram, ou não, alcançados. Esta informação sobre a qualidade dos cuidados de saúde prestados é útil não só para os doentes como também para os médicos, para os gestores de saúde e para o Estado português.
Assim, o ICHOM pretende o desenvolvimento de métricas de saúde que sejam percetíveis para o cidadão comum, focadas nos resultados conseguidos no tratamento da doença e menos no processo.
A conferência ICHOM em Portugal – “Medição dos cuidados de saúde baseada em valor” – junta nos dias 10 e 11 de fevereiro todos os stakeholders da saúde em Portugal e contará também com representantes internacionais do ICHOM e das organizações que o fundaram.

 

ler mais

RECENTES

ler mais