23 Jan, 2018

Sangue nas fezes: Causas e tratamentos

O sangue nas fezes pode não ser sinónimo de doença, mas indica sempre que algo não está bem no sistema digestivo.

CAUSAS

– Fissuras Anais

As fissuras anais são comuns, e por vezes, podem ser tratadas naturalmente.Subdividem-se em dois tipos:

  •  Fissura anal aguda: quando tende a ser superficial e com menor tempo de evolução.
  • Fissura anal crónica: quando tem maior tempo de evolução.

A diarreia, as fezes duras e secas e a obstipação são algumas das causas que provocam fissuras.

Se sofre de obstipação deverá considerar as seguintes recomendações alimentares:

  • Consuma um mínimo de 5 porções de frutas ou legumes por dia
  • Elimine ou diminua drasticamente o consumo de alimentos que causam prisão de ventre – produtos lácteos, açúcar e glúten
  • Beba pelo menos 1,5l de água por dia
  • Opte por alimentos biológicos
  • Consuma alimentos ricos em gordurais vegetais saudáveis (azeite, amêndoas, abacate, óleo de coco, etc.)
  • Os alimentos ricos em magnésio, ou uma suplementação deste mineral poderão ajudar igualmente o seu trânsito intestinal.

Algumas pessoas recorrem a laxantes para solucionar a prisão de ventre com o objetivo de amolecer as fezes, no entanto os laxantes químicos não são, de todo, a solução ideal.

Em primeiro lugar porque são soluções de curto prazo e em segundo lugar porque intoxicam o seu organismo com químicos nocivos para a sua saúde.

As cascas de Psílio são um substituto natural aos laxantes convencionais, com a vantagem de que, para além do seu efeito laxante natural, têm uma diversidade de benefícios para o organismo e contrariamente aos laxantes químicos, são desprovidas de agentes nocivos para a sua saúde. Podem ser tomadas em pó ou, preferencialmente, no seu estado original em cascas e com certificado de produto orgânico.

As cascas de psílio são excelentes para limpar o intestino de toxinas e resíduos que estão a mais no nosso intestino, ajudam a emagrecer, ajudam a baixar o colesterol, entre outros benefícios.

Segundo o Dr. Yong-Tae Lee, médico especialista em reabilitação no Spaulding Rehabilitation Hospital, na cidade de Charlestown, há outro método natural infalível para o tratamento natural das fissuras retais, os banhos de assento.

Coloque o ânus na banheira  em água morna durante 5 a 10 minutos e relaxe. Depois de feito o banho deve aplicar vaselina em torno e à entrada do ânus. Repita este procedimento durante uma semana e os resultados aparecerão.

Caso contrário, deve prontamente aconselhar-se junto de um médico especialista pois a sua situação necessitará de um tratamento mais específico.

– Hemorróidas

Segundo o Dr. João Ricardo, médico brasileiro especialista em colonproctologia, as fezes com sangue podem indicar a presença de hemorroidas e estima que 50% das pessoas com mais de 50 anos já tenham sofrido de hemorroidas.

As hemorróidas são também muito comuns em pessoas com prisão de ventre e surgem devido à dilatação das veias provocadas pela força necessária para evacuar, originando o aparecimento de sangue nas fezes.

As hemorróidas podem ser internas ou externas, dependendo do local da sua formação. Normalmente as hemorróidas externas não sangram ao contrário das internas.

Para além da alimentação, do seu estilo de vida e idade, existe um fator que a maioria das pessoas desconhece e que está intimamente ligado ao aparecimento de hemorróidas, a posição que adotamos durante a evacuação intestinal. Abaixo alguns dados científicos sobre este problema.

A incorreta postura de evacuação e as hemorróidas 
Segundo um estudo científico publicado por vários especialistas, designado por “Influence of body position on defectation in Humans”, os humanos devem evacuar na posição de cócoras e não sentados. Segundo este estudo, ao evacuar sentado está a potenciar o surgimento de várias doenças, como a prisão de ventre, hemorróidas, cancro do cólon, entre outras que estão muitas das vezes implicadas no aparecimento de sangue nas fezes.

– Cancro colorretal

O cancro colorretal é a razão mais perigosa para o aparecimento de sangue nas fezes e afeta os órgãos excretores, bem como os tecidos que os rodeiam. Esta condição é menos usual, mas em contrapartida é a mais preocupante.

– Colite

Outra doença que origina a presença de sangue nas fezes é a colite ulcerosa. Esta é uma doença inflamatória crónica do intestino grosso.

– Doença de Crohn

A doença de Crohn é um processo inflamatório crónico que envolve principalmente o espaço intestinal. Para além da diarreia constante e da súbita perda de peso, as fezes com sangue são um dos principais sintomas da doença.

Se o sangue nas fezes for uma constante e durar mais de 4/5 dias deverá consultar um colonproctologista.

As fezes são o resultado final de um longo processo digestivo e como tal a cor das fezes diz muito sobre a sua saúde intestinal. Grandes quantidades de sangue podem estar na origem de fezes escuras, e como tal, podem ser um sinal de sangramento na parte inicial do sistema digestivo, provocado, por exemplo, por úlceras gástricas ou hemorragias digestivas.

Contudo, as fezes escuras, também podem surgir em outras situações mais comuns e menos preocupantes. Se tiver uma dieta alimentar muito rica em ferro e optar pelo uso de muitos suplementos, as fezes escuras poderão aparecer.

A ciência e os vários testemunhos publicados comprovam que, a implementação das recomendações acima indicadas eliminarão os incómodos presentes no seu trânsito intestinal, e sobretudo, presentes no seu dia-a-dia.

 

ler mais

RECENTES

ler mais