11 Dez, 2017

Projeto-piloto melhora acesso a medicamentos urgentes durante a noite

O projeto-piloto SAFE (Serviço Nacional de Assistência Farmacêutica) arrancou no início deste mês, em Bragança.

Com o objetivo principal de melhorar o acesso dos portugueses aos medicamentos urgentes durante a noite, o SAFE funciona entre as 21:00 e as 9:00, de segunda a sábado. Nos domingos e feriados está disponível todo o dia.

Este projeto, que visa complementar o atual regime de turnos das farmácias, estava previsto no acordo assinado a 3 de fevereiro entre os Ministérios das Finanças e da Saúde e a Associação Nacional das Farmácias, conta com a participação do Infarmed e da Administração Regional de Saúde do Norte. Poderá ser alargado a outras regiões do País, mediante pedido da Administração Regional de Saúde responsável.

Depois de irem à urgência, os doentes vão receber informação sobre as farmácias de serviço e sobre a disponibilidade dos medicamentos de que necessitam, de forma mais fácil e rápida. Ainda será possível fazer reservas e até solicitar entregas ao domicílio.

Além do atual contacto telefónico com o centro de atendimento especializado, os doentes poderão no futuro aceder à informação também através da Internet, de uma aplicação móvel e terminais digitais instalados nas salas de espera. Atualmente o centro de contacto informa o doente sobre as farmácias de serviço na área da sua preferência geográfica com disponibilidade dos medicamentos receitados.

O distrito de Bragança foi escolhido devido à elevada dispersão populacional, tendo em conta que os 136 mil habitantes estão dispersos por 226 freguesias, quase todas rurais, ao longo de 6.608 km². A população é servida por 41 farmácias, 15 das quais fazem atualmente serviço noturno: três em serviço permanente e 12 em disponibilidade.

Comunicado/SO

 

ler mais

RECENTES

ler mais