Doentes com linfoma refratário ou recidivante podem beneficiar da terapia celular

Doentes com linfoma refratário ou recidivante podem beneficiar da terapia celular

No segundo dia, inteiramente dedicado à terapia celular, estiveram em destaque a experiência nacional com o tratamento baseado em células T CAR, as melhores formas de assegurar equidade no acesso a este tipo de tratamento e as perspetivas futuras da terapia celular, cujas abordagens inovadoras poderão ajudar a tratar um número cada vez maior de doentes oncológicos refratários ou recidivantes.