Reunião Monotemática da SPG destaca papel do gastrenterologista no cancro digestivo

Reunião Monotemática da SPG destaca papel do gastrenterologista no cancro digestivo

No próximo dia 26 de janeiro, o Centro Cultural de Belém, em Lisboa, acolhe a Reunião Monotemática da Sociedade Portuguesa de Gastroenterologia (SPG) que este ano terá o “Cancro Digestivo“ como tema dominante. Em entrevista ao Saúde Online, o Prof. Dr. Rui Tato Marinho, que preside este encontro, salienta a importância do papel do gastroenterologista no cancro digestivo, que representa um terço dos cancros do país.

Dentro de 20 anos, 80% dos doentes a viver com infeção por VIH terão mais de 50 anos

Dentro de 20 anos, 80% dos doentes a viver com infeção por VIH terão mais de 50 anos

Têm-se vindo a registar tendências crescentes na prevalência de infeção por VIH entre pessoas com idade igual ou superior a 50 anos. Uma realidade confirmada pelos resultados de estudos realizados recentemente, um dos quais, mostra que em todo o mundo, mais de 4.2 milhões de pessoas infetadas por VIH (PVIH) têm mais de 50 anos de idade. E 26% do total terá mais de 70 anos.

Sociedade contra a obesidade quer ferramentas para combater doença

Sociedade contra a obesidade quer ferramentas para combater doença

A Sociedade Portuguesa Para o Estudo da Obesidade (SPEO) defendeu hoje que é preciso dar ferramentas às pessoas para combater a doença, desde a comparticipação dos medicamentos até à presença de nutricionistas e psicólogos nos centros de saúde.

SNS deve contar com mais 4 mil trabalhadores até ao final deste ano

SNS deve contar com mais 4 mil trabalhadores até ao final deste ano

O número de profissionais do Serviço Nacional de Saúde e do Ministério da Saúde, incluindo os hospitais em regime de Parceria Público-Privada, deverá atingir os 136 mil em dezembro, mais 4.000 (3%) face ao ano anterior, segundo estimativas do Governo.

Sindicato alerta para falta de anestesistas no Amadora-Sintra

Sindicato alerta para falta de anestesistas no Amadora-Sintra

O Sindicato dos Médicos da Zona Sul alertou hoje para as condições de trabalho dos médicos anestesistas no Hospital Amadora/Sintra, anunciando que vai desencadear medidas judiciais de responsabilização da administração hospitalar e exigir a intervenção do Governo.