Ainda internado, Marcelo promulga quatro diplomas

Depois de ter sido operado a uma hérnia umbilical, o Presidente da República promulgou, ontem à noite, quatro diplomas a partir do hospital Curry Cabral, em Lisboa.

Entre os diplomas promulgados pelo Presidente em convalescença estão o regime de contratação de doutorados destinado a estimular o emprego científico e tecnológico e o acordo entre a República Portuguesa e a República Francesa sobre a assistência e a cooperação no domínio da Proteção Civil. Os outros dois diplomas promulgados são relativos à classificação de monumentos no Buçaco, na Mealhada (distrito de Aveiro), e no Sistelo, no concelho de Arcos de Valdevez (Viana do Castelo).

Marcelo Rebelo de Sousa foi operado a uma hérnia umbilical na tarde de ontem. A operação ao Presidente da República correu bem, durou cerca de uma hora e o chefe de Estado deverá ficar hospitalizado durante 48 horas, revelou ontem aos jornalistas o chefe da equipa que o operou, Eduardo Barroso.

A presidência informou em comunicado que o Presidente cancelou toda a agenda dos próximos dias, incluindo as deslocações previstas para 31 de dezembro e 1 de janeiro às regiões afetadas pelos incêndios de outubro.

LUSA/SO

ler mais

RECENTES

ler mais