Quais os profissionais que a saúde mais recruta?

Vânia Guilherme

Vânia Guilherme

Consultora Michael Page Healthcare & Life Sciences

Sabemos que o recrutamento para a área da saúde vive por estes dias ritmos bastante dinâmicos que ajudam a dinamizar o setor e ainda assim existem algumas tendências que se mantêm.
Se nos debruçarmos sobre a indústria farmacêutica, a exigência no que concerne à formação académica tem sido preservada, sendo que muitos farmacêuticos continuam a ser requisitados para as funções mais técnicas – regulatory affairs, market access – como também para funções comerciais e de marketing – delegados de canal farmácia, delegados de informação médica, product managers. Na dinâmica de recrutamento da Michael Page vemos também que a tendência da entrada de médicos para posições de MSL – Medical Science Liaison na indústria farmacêutica se mantém, com um nível de especialização cada vez maior.
Por outro lado – o dos profissionais de saúde – existe uma enorme preferência por integrar companhias onde a inovação seja a palavra de ordem, pelo que a possibilidade de dar resposta a necessidades reais e que têm implicações na saúde dos doentes a longo prazo, ao invés de um portfeólio estagnado, poderá ser, naturalmente, mais motivadora para os candidatos e para os profissionais integrados especialmente no departamento médico e na área de acesso ao mercado.
Por outro lado, decorrente do crescimento das áreas de dispositivos médicos, temos presenciado igualmente o aumento de necessidades para as áreas de audiologia e optometria – conhecemos bem este dinamismo, porque acompanhamos este mercado e as respetivas empresas integradas nestes segmentos e sabemos por isso que têm sentido inúmeras dificuldades na identificação destes profissionais.
De salientar também que os perfis comerciais dentro do segmento dos dispositivos médicos têm sido uma tendência.
Mudam-se os tempos, mas existem tendências que permanecem neste segmento que, em tempos de crise, se viu obrigado a reequacionar as suas estruturas e que hoje, felizmente, consegue abrir portas a mais profissionais.