Foi igualmente aprovado um projeto de resolução do Bloco de Esquerda (BE) para abertura de concurso até 30 dias após a conclusão do internato médico, que funciona como Recomendação ao Governo e que contou com a oposição do PS e votos a favor das outras bancadas parlamentares.

Em janeiro deste ano, o Sindicato Independente dos Médicos (SIM) apelou à abertura imediata do concurso para os jovens médicos, denunciando que pelo menos 200 dos cerca de 700 que aguardavam concurso já tinham saído para o estrangeiro ou para hospitais privados.

Agora, o SIM “regista pela positiva a postura dos Grupos Parlamentares do Bloco de Esquerda e do Partido Comunista Português”, assim se pode ler no website oficial do sindicato.

LUSA/SO