As medidas constam do Acordo Coletivo de Trabalho que será hoje assinado no Ministério da Saúde por representantes da tutela e do Sindicato dos Enfermeiros Portugueses (SEP).

Segundo o dirigente do SEP José Carlos Martins, com este acordo os enfermeiros com CIT passarão a ser sujeitos às mesmas regras de recrutamento do que os restantes profissionais a trabalhar em organismos do setor público.

Os concursos, a avaliação de desempenho e o horário de 35 horas semanais são alguns dos procedimentos que constam deste ACT, cuja assinatura conclui a segunda etapa do processo negocial que se iniciou em março do ano passado.

De acordo com José Carlos Martins, as questões salariais vão ser abordadas em reuniões a realizar mais tarde, as quais deverão ficar já hoje calendarizadas.

LUSA/SO