O Hotel Quinta da Marinha, em Cascais, será o palco desta iniciativa que começa pelas 19h00 com o debate em torno “Da Ação: Conceitos e Propósitos em Diálogo”, em seguida abordam-se outros temas como “A Disfagia na ELA: impacto, manifestações e intervenção” e haverá também um testemunho “Viver com ELA: Do Diagnóstico à tomada de Decisão no momento da Readaptação”.

Segue-se o jantar ‘Sabores em ConTaCto’ no qual será possível fazer uma refeição segura para as pessoas com ELA e disfagia e comer com loiça adaptada às suas necessidades para que o convidado possa experienciar as dificuldades destes doentes.

O evento tem um carácter solidário e, por isso, o bilhete para participar tem um custo de 30 euros para público em geral e 10 euros para pessoas com ELA. O valor irá ajudar pessoas com esta patologia.

“A Esclerose Lateral Amiotrófica e, especialmente, a disfagia, uma das suas manifestações mais prevalente (que surge em 85% dos casos de ELA), são os principais temas abordados neste jantar que tem a particularidade de estar completamente adaptado a pessoas com ELA e que sofrem de disfagia”, esclarece a APELA. A disfagia, caracteriza-se pela dificuldade em engolir ou no ato de levar o alimento ou a saliva da boca até ao estômago.

“Esta iniciativa, aberta a toda a comunidade, pretende abordar a disfagia na ELA, as suas manifestações, os impactos e as possíveis intervenções – através da terapia da fala e das soluções alimentares para uma deglutição segura”, pormenoriza a associação.

As inscrições podem ser feitas aqui.

Comunicado/SO